Quem ama a sua vida a perderá!

“Pense em si mesmo! Se você não pensar em você ninguém vai pensar! Siga o seu coração! Ame a si mesmo! Faça o que te dá prazer! Não permita que pisem em você! Seja o teu maior admirador! ” E por aí vai… muitos são os ensinos acerca de como devemos nos cuidar, amar, valorizar etc (como se pode constatar nos cartazes da foto tira de um muro em São Paulo). Nunca ouvimos tanto sobre isso. Até pela explosão das mídias sociais, nunca fomos tão estimulados a viver pensando em nós mesmos e em nosso próprio bem estar… Ao mesmo tempo, nunca fomos tão infelizes.

Depressão, ansiedade, pânico, transtornos alimentares, TDAH, burnout, surto, ataques de fúria e a lista de transtornos e distúrbios vai crescendo cada vez mais. As pessoas estão cada vez mais dependentes de remédios tarja preta para aguentar a vida e a sociedade está cada vez mais dopada. Temos buscado o amor próprio, mas essa fórmula não está funcionando. Ao contrário, nossa busca por amor próprio e alta autoestima tem nos feito ainda mais infelizes. Qual é a razão? Jesus responde:

“Quem ama a sua vida perde-a; mas aquele que odeia a sua vida neste mundo preservá-la-á para a vida eterna.” (‭‭João‬ ‭12.25‬)

Esse versículo fala exatamente o contrário de tudo que temos ouvido por aí. É necessário portanto, que, em nosso dia a dia, tenhamos fé em Deus e em sua palavra e assim vamos perceber que muitas vezes estamos caminhando na direção errada. Estamos focados em nós mesmos. Estamos buscando nosso bem estar a todo custo. Alguns falam coisas que agradam a outros, por egoísmo, para ficarem bem com todos, ao mesmo tempo em que se omitem de falar aquilo que agrada ao Senhor. Por outro lado tem aqueles que não se esforçam por ninguém, pois acham que precisam pensar mais em si mesmos e acabam por ficar presos em seu próprio mundinho vivendo para si mesmos. Ainda outros só fazem o bem esperando receber algo em retorno e quando isso não acontece ficam decepcionados e amargurados. Também tem aqueles que usam a fofoca ou a maledicência como um meio de diminuir os outros a fim de se sentirem superiores e a lista segue… Muitas vezes usamos subterfúgios para praticarmos nossos egoísmos e acabamos sofrendo as consequências danosas.

Sim, atitudes egoístas afetam a saúde espiritual e, consequentemente, a emocional e física também. O fato é que todos esses comportamentos pecaminosos e tantos outros voltados para o ego prometem que vão entregar um resultado muito bom, mas assim como acontece desde o Éden, eles não cumprem essa promessa.

Atitudes egoístas dão a aparência que vão trazer alívio, prazer e alegria, mas não trazem. Ficamos cada vez mais infelizes vivendo por e para nós mesmos, pois não fomos feitos para viver assim. O pecado nunca traz um bom resultado e nunca entrega o que promete, mas entrega tristeza, raiva, rancor, mágoa, desespero, ansiedade, ódio e morte espiritual.

Por outro lado, se remarmos contra a maré e lutarmos contra os sentimentos de querermos sempre agradar a nós mesmo, satisfazer as próprias vontades e fazer coisas buscando algo em troca, então produziremos muito frutos agradáveis ao Pai. Quanto mais morrermos para nós mesmos, mais ganharemos a vida e a verdadeira alegria pela fé e também aprenderemos que realmente vale mais a pena dar do que receber.

Sirva ao próximo de maneira altruísta e você produzirá bons frutos que trazem alegria de verdade e contentamento mesmo em meio a aflição, paz em meio às dificuldades e uma deliciosa amizade com Deus. Esse estilo de vida de auto sacrifício em vez de auto preservação e cuidado, traz vida plena de verdade, pois “Quem ama a sua vida perde-a; mas aquele que odeia a sua vida neste mundo preservá-la-á para a vida eterna” (João‬ ‭12.25). Viva para Deus e para o próximo e desfrute já neste mundo uma vida de contentamento com Cristo enquanto você caminha para o lar celestial! Você crê nesse versículo? Então exercite-o em
sua vida e colha os frutos benditos de uma vida de autonegação! Que Deus nos ajude!!

Categorias Sem categoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close